Skip to content

iPad, revisão dos 150 dias

agosto 31, 2010

 

Imagem do BlogdoiPhone : Anatel finalmente homologa iPad 3G

Há pouco mais de 5 meses, começamos com este blog a monitorar a chegada do iPad e explorar o impacto que o mesmo poderia causar no mercado, nos usuários e empresas de mídia, comuincação, tecnologia, entre outras. Com um primeiro iPad na mão há quase 150 dias e com outro 3G há quase 100, posso dizer que as coisas estão realmente mudando mais rápido do que o maior otimista podia imaginar.

Agora, 5 meses depois, o iPad finalmente aprovado pela Anatel, pode ser vendido no Brasil, e deverá estar chegando às lojas de forma oficial nas próximas semanas. Isso sem contar os cerca de 15 mil iPads que já andam circulando por aqui, vindos antes do lançamento oficial.

Mas vamos ao tema do post, a revisão dos 150 dias … O iPad é realmente mágico e ganhou um share desproporcional na minha vida digital. Desconte o fato que tenho usado profissionalmente para ajudar clientes a entender como se posicionar e alavancar estrategicamente essa nova era de tablets, internet móvel, redes sociais, etc.

Ainda assim, minhas manhãs começam, desde abril com o iPad na mão. Leio os jornais Estado, WSJ, etc em suas versões iPad e consulto os web apps da Folha e O Globo.  Não raramente, vejo também o Il Corriere Della Sera em sua eficiente e amigável versão para o iPad. Por vezes uso também o PressReader para baixar um dos 1500 titulos de jornal de mais de 100 países. Nas sextas, leio em primeiríssima a revista The Economist, recém publicada internacionalmente, com assinatura que fiz no Zinio. Sinto falta de poucas publicações no iPad ainda, a Veja, que acaba de anunciar que terá sua versão lançada no primeiro fim de semana de Setembro e algumas revistas especializadas, como a PROXXIMA, do Meio & Mensagem. (Achava falta até ontem, revista PROXXIMA para o iPad já está na App Store) Por enquanto me divirto com as internacionais Wired, Maxim, Vivid, para acompanhar o futuro das revistas digitais no iPad.

Passado a fase de “hard news”, vou para as redes sociais. Flipboard, é um excelente aplicativo para acompanhar Twitter e Facebook, além dos blogs de forma geral. Eu tenho já selecionado Engadget, Wired, Mashable, etc, no próprio Flipboard. Uso também o Twitterrific para uso direto do Twitter e o  Facebook direto do browser. (Estou ainda aguardando o aplicativo oficial do Facebook para o iPad, ainda que já existam opções)

E até aqui tudo ia muito bem, minha vida tinha mudado com o iPad. Acordo cedo, e na primeira hora me atualizo, muito mais do que fazia antigamente. (Quem é que compra ou lê todos esses jornais em papel, anyway, só alguns diretores de redação que conheço). As limitações do iPad começam a incomodar um pouco na hora de começar produzir conteúdo. Ler e enviar e-mails simples, fantástico. Algo mais elaborado e com anexos, já começa complicar um pouco, ainda que vários aplicativos já ajudam muito na manipulação de arquivos de vários formatos. Ao escrever no blog, é quando meus problemas aumentam e por vezes sou forçado a deixar minha posição de hibernação no sofá e tenho que dar um pulo no computador, para anexar um vídeo ou foto ao texto. Minha tranquilidade, no entanto, vem do fato que essas dificuldades, são temporárias, pois acredito que os problemas com navegação e ausência de Flash são questões que serão resolvidas via software em um futuro não tão distante.

Bom, post do dia enviado, café da manhã com família, estamos prontos para encarar o trânsito e as reuniões. De cada 10 dias, 9 não levo mais o lap-top, em 3 me bastam o iPhone e outros 6 o iPad é mais do que o suficiente. Pois é, não consegui abandonar o lap-top em 10% das situações, geralmente relacionadas a apresentações, em que o lap-top é mais simples para plug-and-play nos telões e projetores. Mas para viagens, nem se fala. Abandonei o lap-top. Claro que evolui na carreira também. No passado, como analista ou associado em consultoria, literalmente rodei o mundo várias vezes com lap-top e por vezes até projetores na mão. Agora, para alguém como sócio de consultoria ou executivo, na verdade, um iPhone bastaria. O iPad passa a ser útil pelos vídeos, livros e revistas que você traz consigo ao encarar viagens overseas ou de 24h até o Japão. Pois bem, chega de trabalho. O iPad está aprovado para os dias de trabalho, mas ainda não substitui o lap-top a 100%, principalmente nas tarefas de geração de conteúdo.

Vamos ao lazer. Parei definitivamente de carregar o lap-top nos fins de semana e o fiz por dois motivos. Para parar de ter a tentação de produzir no fim de semana e pelo bem familiar. Mas tudo isso com um truque. Lembram daquele iPad, somente WiFi, que comprei logo no lançamento. Pois bem. Depois de comprar o 3G, deixei o antigo na casa de campo. Dessa forma tenho ainda a possibilidade de ler os livros, jornais, revistas no fim de semana, ver os filmes pelo NetFlix, iTunes (claro que conectando  à TV) e me dou o direito de acompanhar e-mails e redes sociais aqui e ali. Mas aí tem um problema. nos fins de semana, meu sócio no iPad (filho de 6 anos), fica rodeando esperando a hora de jogar com os brilhantes jogos, que ainda não falamos. Sorte minha que por vezes ele topa ficar com o iPad Nano (ou, seja o iPhone).

Bom, e tudo isso, para dizer o que? Para dizer o que já estamos falando nesse blog há 5 meses. O iPad é fantástico, veio para transformar e já está transformando. Ele puxa a categoria de tablets que deverá revolucionar a computação pessoal nos próximos 5-10 anos, além de transformar algumas indústrias como a de publishers, games, vídeos. Que somado a explosão da internet móvel e aplicativos estão dando ao usuários funcionalidades e poderes nunca antes possíveis como o de ver, ler, ouvir, o quiser, quando quiser e onde quiser. Ou seja, o iPad está mais que homologado … está aprovadíssimo e recomendo.

Veja mais artigos sobre o iPad na Mobi9:

iPad is Out: What Now?

Não comprei o iPad 3G. Que opções tenho para conectar meu iPad?

Palestra sobre impacto do iPad, redes sociais e internet móvel no mercado

Minha opinião após uma semana

Top 10 iPad Apps

Wired declara o fim da web como conhecemos

NYT – Opinião de especialistas sobre o iPad

E aí, devo comprar um iPad? [Humor/Infográfico]

É hoje, meu iPhone acaba de virar um iPad Nano …


Leia mais um artigo sobre os 100 dias com o iPad:

100 Days With the iPad: Part 1 | Tim Bajarin | PCMag.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: