Skip to content

Aposentadoria aos 30 anos, após seu start-up de internet … reconsidere

agosto 24, 2010

No, You CAN’T retire rich at 30 if you sell your startup – Tony Wright dot com

Bisbilhotando pela internet achei esse texto de Tony Wright, fundador e ex-CEO da RescueTime , mais um dos start-ups americanos em internet que atraíram funding, geraram alguma visibilidade, mas não resolveram a vida dos seus fundadores, empregados e investidores. E como o próprio post comenta, start-ups que fazem isso tipo Microsoft, Google e Amazon, aparecem apenas uma vez a cada geração.

Ainda assim o que deve levar aos jovens sonhadores jogar contra todas as estatísticas e aventurar-se em seus start-ups. Pois bem, se fosse somente por dinheiro, a loteria seria uma outra opção, mas acredito que os jovens buscam mais do que isso.

Eu, por exemplo, fui buscar minha carreira e minha independência financeira, com o objetivo de obter liberdade. Sim liberdade, ter o suficiente para poder não depender do financeiro para tomar minhas decisões na vida, as coisas que gosto e as situações em que não aceito participar, por vontade ou princípios. Conhece aquela história do pescador com sua casinha no lago, que foi instigado a construir um império para depois se aposentar velho e amargurado na sua própria casinha do lago. Pois é, por inspiração, ou imitação, tento manter sempre em mente essa história da casinha do lago e dar o valor e importância devidos às coisas.

Ainda assim, me meti na vida de start-ups nos ultimos 10 anos e entendi o que realmente me atrai nisso. Não me atrai ter uma cadeira para sentar e esquentar durante anos, um cargo para colocar no cartão de visitas ou mesmo um poder que deve ser mantido em relacionamentos com agências,  órgãos do governo, partidos ou políticos. Gosto de criar, projetos de 1-3 anos, com desafios, times pequenos e  motivados, com sonhos e aspirações grandes e com uma idéia em fazer a diferença no mundo, ainda que minha pequena parte. E assim ganho minha energia e energizo, crio novidades e seguidores e a recompensa financeira sempre acaba vindo e por vezes maior do que muitos julgam merecer.

Os start-ups são realmente fantásticos, mas se o objetivo for somente financeiro, leia o post do link acima e reconsidere. Estatisticamente, uma carreira em bancos de investimento, consultorias ou private equity podem te levar à mesma independência financeira, com menos riscos e volatilidade. Agora se você foi picado pela mesma mosca que eu fui, da liberdade, do empreendedorismo, da criação, da transformação, da evolução, … , bem vindo ao mundo dos start-ups … (and have fun!!!)

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. gustavo rodriguez permalink
    maio 10, 2012 20:37

    essas palavras que você usa para explicar o texto,só me dá mais motivação e interesse de entrar para o mundo do empreendedorismo. muito obrigado

Trackbacks

  1. As cores da web o do seu start-up « iPad is out: what now?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: